Fimose

Fimose

A fimose acontece quando a pele do prepúcio é muito estreita, o que dificulta ou até mesmo impossibilita a exposição da cabeça do pênis.

Ela pode ocasionar problemas para urinar, levando à infecção urinária,e/ou dor na relação sexual (retirar e colocar mais abaixo) e dificuldade para a limpeza completa do pênis, o que leva ao acúmulo de secreções (esmegma). Por isso, deve ser tratada.

Para o tratamento da fimose, diagnosticada quando criança, a Sociedade Americana de Pediatria e Sociedade Americana de Urologia recomendam como primeira opção o tratamento conservador, que consiste no uso de cremes e pomadas indicadas para a doença. Nos casos mais avançados ou onde o tratamento conservador falhou indica-se a abordagem cirúrgica para retirada do excesso de pele (postectomia ou circuncisão).

Embora o procedimento seja simples, não é isento de riscos, que incluem cicatriz hipertrófica no local, sangramento, alteração cosmética da pele do pênis. Por isso, é preciso fazer uma avaliação adequada de cada caso

Especialista Responsável

Célula Mater