Reprodução assistida para casais homoafetivos

Reprodução assistida para casais homoafetivos

Com o avanço nos direitos humanos no Brasil e no mundo, a realidade de casais homoafetivos que desejam ter um filho é cada vez mais freqüente. Nesse contexto, a reprodução assistida entra de forma decisiva, possibilitando a realização do sonho de uma família.

Casais de mulheres podem optar por inseminação simples com esperma de doador ou optar por fertilização in vitro utilizando-se o óvulo de uma das mulheres com esperma doado e transferência pra útero da outra parceira. Essa situação torna-se interessante para envolver as duas mulheres em todo o processo.

Nos casais de homens,  ocorre a fertilização in vitro com esperma de um dos parceiros, óvulos  doados e útero de substituição.  No Brasil, é permitido o uso de útero de substituição com parentesco ate 4º grau. Não são autorizadas quaisquer relações comerciais tanto na doação de gametas quanto de útero.

Célula Mater