Teratoma sacrococcígeo

Teratoma sacrococcígeo

Teratoma sacrococcígeo e tumor gigante de pescoço

São tumores geralmente benignos que aparecem na região sacral (entre as nádegas) fetal ou na região do pescoço do feto que, na maioria das vezes, será operado apenas depois do nascimento. Em algumas situações, eles podem apresentar um crescimento muito rápido, chegando a atingir o mesmo peso do feto. Quando o tumor cresce muito, pode ocorrer uma sobrecarga do coração fetal, que passa a bombear sangue para si e para o tumor. A cirurgia fetal endoscópica, através da utilização do laser, pode coagular os vasos do tumor, reduzindo sua velocidade de crescimento, poupando o coração fetal.

 

  • Teratoma sacrococcígeo Ressonância

  • Teratoma Sanococcígeo com Doppler

  • Tumor Cervical 3D

  • Tumor Cervical  com Doppler

Célula Mater